Introdução

Especialização em Segurança e Qualidade Alimentar

As transformações sofridas nos hábitos alimentares em diversos países, foram um dos fatores que levaram a que as técnicas de produção, preparação e distribuição de alimentos tenham evoluído por forma a evitar doenças e a deterioração de produtos alimentares (Codex Alimentarius, 2003). A Segurança Alimentar tornou-se num dos temas que mais despertou interesse e que mobilizou todos os intervenientes da cadeia alimentar de acordo com os seus objetivos específicos. Todos os que pertencem ao setor alimentar têm a responsabilidade de garantir a segurança dos produtos alimentares nas fases em que intervêm, independentemente da natureza das atividades que desenvolvam. É de salientar que a garantia de segurança alimentar não se pode basear exclusivamente em boas práticas, estas devem estar integradas num programa de segurança alimentar mais abrangente, baseado na Análise de Perigos e Pontos Críticos de Controlo (APPCC), ou em inglês, Hazard Analysis and Critical Control Points (HACCP). A Especialização em Segurança e Qualidade Alimentar tem como objetivo a avaliação dos principais perigos para a segurança alimentar e da importância da higiene alimentar nas boas práticas de produção de alimentos.

Duração

220 horas

Preço

312 €

A Especialização em Segurança e Qualidade Alimentar tem como objetivo dotar os participante  de competências para a avaliação dos principais perigos para a segurança alimentar e da importância da higiene alimentar nas boas práticas de produção de alimentos.

  1. Legislação no âmbito da Segurança Alimentar – 25 Horas
  2. Microbiologia e contaminação microbiana – 55 Horas
  3. Substâncias tóxicas naturalmente presentes em alimentos – 10 Horas
  4. Contaminantes, Aditivos e Segurança alimentar – 35 Horas
  5. Rotulagem de Produtos Alimentares – 15 Horas
  6. Sistema de controlo da segurança alimentar: Análise de Perigos e dos Pontos Críticos de Controlo – 45 Horas
  7. Sistema de Gestão de Segurança Alimentar  – Norma ISO 22000 – 35 Horas
  • Candidatos com formação superior que pretendam vir a intervir nesta área profissional.
  • Dadas as características deste curso, aprendizagem em qualquer lugar, em qualquer hora, com alunos em fusos horário diferentes, com horários de trabalho bem distintos, e com acessibilidades de Internet bem distintas (o acesso vídeo exige velocidade de processamento e velocidade de Internet muito melhor nos computadores), as aulas serão maioritariamente assíncronas, em horário flexível, para autoestudo e desenvolvimento de atividades propostas ao ritmo de cada formando.
  • Este curso terá apoio dos formadores, que esclarecerá as suas dúvidas por mensagem através da plataforma Teams, onde poderá colocar as suas questões a qualquer momento durante a duração do curso.
  • O curso encontra-se estruturado em sessões, que estão num formato cumpridor dos standards internacionais de e-learning.
  • Poderá aceder às sessões a qualquer hora do dia ou da noite, bem como fins-de-semana e feriados, em função da sua disponibilidade e disposição, tendo apenas a restrição de ter de terminar o curso até ao último dia de formação.
  • As aulas são disponibilizadas todas no início do curso, podendo frequentar cada sessão desde o dia em que é disponibilizada até ao último dia de formação indicado no cronograma.
  • Pode ainda interromper uma sessão a qualquer momento e recomeçá-la mais tarde, podendo frequentá-la quantas vezes desejar.
  • Poderá efetuar o download de alguns materiais de formação para gravar no seu computador ou imprimir.
  • No final do curso receberá um Certificado de Formação Profissional caso realize pelo menos 80% dos elementos de avaliação do curso (trabalhos, testes de avaliação) e tenha avaliação final positiva.

O Certificado  é emitido sempre que os formandos atinjam uma classificação final igual ou superior a 10 valores, numa escala de 0 a 20 valores, sendo válido para a obtenção de créditos (ECTS), na candidatura a um Mestrado ou Doutoramento, ao abrigo do Tratado de Bolonha.

Os estabelecimentos de ensino superior poderão creditar ECTS de acordo com o regulamento de creditação de formação, vigente em cada instituição de ensino superior, tendo em vista o prosseguimento de estudos para a obtenção de grau académico (Mestrado ou Doutoramento), conforme o disposto no artigo 45.º do Decreto-Lei n.º 74/2006, de 24 de Março, alterado pelo Decreto-Lei n.º 107/2008, de 25 de Junho, retificado pela Declaração de Retificação n.º 81/2009, de 27 de outubro, e Decreto-Lei n.º 115/2013, de 7 de agosto, com republicação.

Próximas ações de formação a iniciar:

08/01/2024 22/01/2024
05/02/2024 19/02/2024
04/03/2024 18/03/2024
08/04/2024 22/04/2024
06/05/2024 20/05/2024
03/06/2024 17/06/2024